A prorrogação de mandato dos prefeitos passa? É muito difícil

0
55
Levi Vasconcelos

Boa parte dos atuais prefeitos e vereadores acalenta uma esperança de que a proposta de emenda constitucional (PEC) apresentada pelo deputado Rogério Peninha Mendonça (MDB-SC) prorrogando os atuais mandatos municipais por mais dois anos seja aprovada.

Deputados baianos em Brasília são quase consensuais: as chances oscilam entre zero e nenhuma.

O pretexto é coincidir as eleições, já que o Brasil de hoje incrustou na sua legislação a campanha quase ininterrupta: acaba uma, como a do ano passado, que elegeu o presidente, governadores, senadores e deputados, e já começa a se discutir outra, a de 2020, para prefeitos e vereadores.

As pedras – O deputado Paulo Azi, também presidente do DEM na Bahia, diz achar quase impossível:

– A questão da coincidência das eleições tem alguns críticos e alguns apoiadores, mas agora o grande problema é que um terço dos deputados é candidato a prefeito. Numa votação que é preciso de dois terços, não passa.

O também deputado Félix Mendonça Jr. (PDT) também diz achar muito difícil.

– Ainda que a PEC passe, e acho até viável, com mandato de cinco anos, acabando a reeleição nas majoritárias, é quase impossível que ela vá valer em 2020. Está muito em cima.

Em síntese, os prefeitos que estão animados com a ideia, é melhor arregaçar as mangas.

Joaquim no PSD com festa

Joaquim Neto, prefeito de Alagoinhas, vai se filiar ao PSD de Otto Alencar dia 10 com honras e pompas.

Otto estará lá e prometeu levar para a cidade ‘senadores’, provavelmente Ângelo Coronel e Jaques Wagner.

Joaquim admite que a administração dele sofre alguns desgastes, especialmente na saúde, agravado com o fato de ser médico. Mas acredita na virada:

– Agora que eu comecei a entregar obras.

Rebuliço em Amargosa

O deputado Dal (PP) soltava foguetes ontem no restaurante da Assembleia: os vereadores Marquinhos da Saúde, presidente da Câmara, e Miguel Silva, ambos do PSD, anunciaram o rompimento com o prefeito Júlio Pinheiro (PT), perdendo desta forma maioria na Câmara (que é de 13 vereadores).

Dal, que é filho da terra, tem interesse direto na situação. A esposa dele, Maíra, é candidata em 2020, e Júlio vai tentar a reeleição.

Raimundo e o alívio na pesca

O deputado Raimundo Costa (PR), também presidente da Federação Bahiana da Pesca, se disse ontem mais tranquilo com o anúncio do secretário nacional da Pesca, Jorge Seif, de que o recadastramento de pescadores (para efeito de receber benefícios) anunciado pelo governo não será mais com base em informações digitais, e sim a partir das colônias:

– Mas é bom que as colônias sejam avaliadas também. Queremos é segurança.

Rui também vai aos EUA em busca de investimentos

Não é só Bolsonaro que vai aos EUA em busca de investidores. Rui Costa também. Na viagem que ele fará a partir de 5 de maio, pela primeira vez o roteiro inclui uma parada fora do circuito Europa e Ásia. O primeiro compromisso é em Washington, nos EUA. O que ele vai ver lá? É segredo. O sigilo, segundo o secretário de Comunicação, André Curvelo, é mantido por razões estratégicas.

Rui, que ontem almoçou com o ministro das Relações Exteriores da Alemanha, Heiko Maas, com quem assinou acordos de cooperação, de Washington segue para a China.

Entre os chineses, a pauta é conhecida: a ponte Salvador-Itaparica, que deve ser licitada em agosto; a Fiol, que vai ao pregão entre setembro e outubro. Mas lá é só arremate.

 

Levi Vasconcelos

Jornal A tarde

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here