Impacto da pandemia nas empresas

0
58

Como minimizar impactos da pandemia nas empresas neste final de ano

Conheça algumas dicas para vender mais no período de fim de ano mesmo com impactos da quarentena ainda presentes, segundo consultor do Sebrae.

A época de fim de ano é bastante aguardada por comerciantes de diversos setores, que veem no período uma chance de alavancar seus ganhos. A combinação festas de final de ano + injeção de recursos na economia (principalmente graças ao 13º salário) + clima mais quente + um volume maior de pessoas em férias ou recesso gera oportunidades diversas também para o setor de alimentação.

Entretanto, neste ano, como consequência da pandemia do novo coronavírus, o período promete ser diferente dos anteriores: além dos efeitos econômicos, como desemprego e diminuição de renda em grande parte dos lares brasileiros, a necessidade de isolamento social mudará uma série de hábitos comuns. A saída, segundo o consultor do Sebrae Emerson Durso, para minimizar os impactos da pandemia, quem empreende no setor de alimentação é apostar na criatividade e na comunicação para impulsionar as vendas.

 

“Aumente o volume” da sua comunicação

Mantenha suas redes sociais sempre atualizadas e busque aumentar a frequência de postagens. Atualize também os outros canais digitais, como site e perfil no Google Business.

Comunique com antecedência, apostando em fotos e vídeos, o que você apresentará de novidade no menu de fim de ano – tanto os pratos especiais prontos quanto os que poderão ser preparados em casa.

Facilite a vida do seu cliente para que ele não precise pensar duas vezes para fazer o pedido. Deixe claro o que está servindo e como fazer o pedido, seja qual for o canal de venda, lembre-se de informar com quanto tempo de antecedência a encomenda precisa ser feita.

 

Mantenha o operacional em dia

Apesar de as encomendas e o delivery terem grande potencial de saída no período de fim de ano, é preciso fazer ajustes pontuais para o atual contexto. O primeiro passo é identificar os produtos que trazem melhores margens e volume de vendas e focar neles, se necessário deixando outros itens de lado. Outra dica é encurtar a lista de compras, o que facilita o monitoramento da demanda e dos ingredientes de múltiplas utilizações e reduz o desperdício.

 

Mostre que a segurança do seu cliente é prioridade

Mesmo com todas as precauções implementadas pelos proprietários de negócios de alimentação para assegurar a saúde dos seus clientes e colaboradores, o consumidor está receoso de expor a si e a sua família. Esse cliente, agora mais atento, quer saber como os alimentos são preparados, quantas pessoas tocaram nos talheres e quantas manipularam-nos antes de o prato chegar à mesa. Portanto, é importante deixar claro os cuidados que você está tomando.

Para isso, use as mídias sociais a seu favor, postando sobre suas iniciativas de higiene e segurança alimentar. Que tal um vídeo rápido mostrando como o alimento é preparado e embalado?

 

Aposte em ações criativas

Não importa se você tem um bar, um restaurante, se é ambulante ou se trabalha com vendas por encomenda: fuja do óbvio e crie ações para chamar a atenção dos clientes e gerar oportunidades de vendas.

Durante a pandemia, as receitas on-line (desde as mais básicas até as sofisticadas) estão atingindo números de visualizações nunca vistos antes. Aproveite essa onda, grave suas receitas e utilize-as no relacionamento com seu cliente.

Aproveitando a época de fim de ano, você pode disponibilizar aos clientes um cartão-presente/vale-presente para que possam presentear familiares e pessoas queridas com os seus produtos especiais para o período.

Crie um programa de relacionamento, com um sistema em que o cliente acumula pontos a cada valor gasto até atingir um número que lhe dá direito a uma recompensa. Para os pedidos on-line ou para itens focados no período de fim de ano, a pontuação pode ser contabilizada em dobro. Essas ações fidelizam e aumentam a recorrência de compras.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here