Presidente de clube é preso após dar soco em arbitro durante partida na Turquia

0
53

Juiz alega que sofreu ameaças de morte por parte do presidente turco

O presidente do Ankaragücü, Faruk Koca, foi preso nesta terça-feira (12) após dar um soco no árbitro Halil Umut Meler no empate do time com o Rizespor, pelo Campeonato Turco (assista abaixo). O juiz alega que sofreu ameaças de morte por parte do dirigente.

Outros dois suspeitos envolvidos no incidente também foram detidos.

Após a agressão sofrida, Umut Meler foi internado em um hospital na Turquia e recebeu a visita do ministro do Interior Ali Yerlikaya. Ele também conversou por telefone com o presidente do país, Tayyip Erdogan, quem lhe deu palavras de apoio.

Por conta do episódio, a Federação de Futebol da Turquia anunciou a suspensão de todos os jogos do Campeonato Turco.

COMO FOI

A agressão foi motivada pela revolta do dirigente pelos acréscimos dados pelo juiz e com um possível pênalti não marcado para sua equipe. O Ankaragucu vencia a partida e tomou o gol de empate aos 52 minutos do segundo tempo.

Assim que o jogo foi finalizado, houve uma confusão dentro de campo e Faruk Koca partiu em direção ao árbitro para agredi-lo com um soco. No chão, o árbitro Halil Meler ainda foi chutado na cabeça por algumas pessoas que estavam em volta do cordão.

Assista:

Fonte: bnews.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here