Polícia prende golpista que se passava por delegado da PF; saiba detalhes

0
190

Golpista foi preso por falsidade ideológica e uso de documento falso  

Polícia Federal prendeu, na terça-feira (14), um homem acusado de se passar por delegado da PF. Eudes Bembem de Miranda, de 42 anos, é experiente no mundo do crime. As informações são do portal Metrópoles.

De acordo com processos que tramitaram no Distrito Federal e até mesmo no estado do Piauí, o golpista costumava ganhar a vida criando identidades diferentes, e tornou-se especialista no uso de documento falso. Em um dos casos, ele se passou por estagiário do Ministério da Fazenda e ostentou um contracheque fake no valor de R$ 13 mil.

Em 2012, Miranda foi preso ao se apresentar como delegado da Polícia Civil Distrito Federal; contudo, foi solto pouco tempo depois. Além disso, ele também já respondeu por crimes da Lei Maria da Penha e porte ilegal de arma de fogo.

PRISÃO

Com a alcunha de Leo Venice, Eudes perambulava por um condomínio de alto padrão no Park Sul, como se fosse morador. O golpista também se identificava como delegado da PF, portava armas de fogo e chegava a exibir uma carteirinha da corporação.

O comportamento do suspeito chamou a atenção de um delegado da Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF), que teria verificado se o homem, de fato, era da Polícia Federal. A PF, então, constatou que se tratava de um farsante e, por isso, prendeu o golpista por falsidade ideológica e uso de documento falso.

Fonte: bnews.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here