Governo do Estado vai investir R$ 28 milhões em qualificação de mão de obra na Bahia este ano

0
74

A notícia de que a BYD – maior fabricante de carros de energia limpa do mundo, deve gerar dez mil postos de trabalho diretos e indiretos no estado, tem promovido uma corrida na busca por cursos de qualificação profissional para a seleção da montadora chinesa. Para auxiliar os trabalhadores interessados em uma dessas vagas, o Governo do Estado, através da Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre) em parceria com o Senai de Camaçari, vai disponibilizar, nesta primeira etapa, 500 vagas para quatro cursos gratuitos, com inscrições até a próxima sexta-feira (5). Esta é apenas uma das iniciativas da secretaria, que em 2024, deverá investir R$ 28 milhões na preparação de mão de obra, para o mercado de trabalho na Bahia.

Estudante do último módulo do curso técnico em eletromecânica no Senai de Camaçari, Ederson Cerqueira Santos já garantiu a inscrição no curso de manutenção de máquinas industriais voltado para a seleção na BYD. Ele quer ainda mais qualificação para garantir a tão sonhada vaga. “Os cursos oferecidos pelo Senai são muito bons, sendo uma ótima oportunidade de preparação para o mercado de trabalho, especialmente com a constante evolução da tecnologia e das indústrias. Com mais uma qualificação vou me destacar ainda mais no mercado de trabalho e colocar em prática todo o conhecimento adquirido. Essa vaga na BYD é uma oportunidade única, de ouro”, disse Ederson, entusiasmado.

Para o gerente da unidade do Senai Camaçari, Sérgio Martins, esta é mais uma parceria exitosa com o Governo, especialmente para a indústria automotiva. “Aqui oferecemos tanto atividades teóricas quanto práticas, proporcionando uma formação abrangente aos participantes. Essa iniciativa certamente contribuirá para o desenvolvimento econômico e social da região”, afirmou Sérgio. A estrutura do Senai conta com 19 salas de aula, seis laboratórios de informática e dois galpões de curso prático. A unidade também foi responsável pelo projeto Amazon, que qualificou mão de obra para a empresa automobilística Ford.

Para a BYD serão ofertados os cursos de operador de produção veicular, auxiliar de linha de produção, mecânico de manutenção de máquinas industriais e inspetor de qualidade. Podem se inscrever trabalhadores (as) sem ocupação, a partir de 16 anos, com ensino médio completo, cadastrados (as) nas agências do Sistema Nacional de Emprego – SineBahia. A carga horária é de 200 a 260 horas. Os interessados devem se inscrever exclusivamente através dolink https://forms.office.com/r/xw3d7E5xMj, nos principais canais digitais da Setre (www.trabalho.ba.gov.br e @setrebahia) e do SineBahia (@sinebahiaoficial).

Importante lembrar que a qualificação para a BYD visa, especialmente, preparar candidatos para participar da seleção, mas não garante a contratação que está atrelada a critérios específicos da montadora. Além da qualificação gratuita, os selecionados receberão fardamento, material didático, transporte para deslocamento e lanche.

Oportunidades para baianos

A Setre vai investir ainda em 2024, R$ 28 milhões em capacitação e incentivo ao empreendedorismo. São programas como o Qualifica Bahia e o Juventude Produtiva que possibilitam oportunidade de geração de trabalho e renda para milhares de mulheres, jovens, sobretudo negros e negras, pessoas em privação de liberdade e pessoas com deficiência. A ideia é manter a Bahia na primeira posição na geração de empregos com carteira assinada no Nordeste, como aconteceu no mês de janeiro, segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) divulgados pelo Ministério do Trabalho e Emprego (MTE).

De acordo com o secretário do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte, Davidson Magalhães, a diversidade de programas e cursos disponíveis mostram o comprometimento do Governo do Estado, em atender às diferentes necessidades dos cidadãos, que, só em 2023, beneficiou aproximadamente 22 mil pessoas.

“No ano passado, fizemos cursos de qualificação nos 417 municípios da Bahia e o Estado se tornou líder na região Nordeste de geração de emprego formal. Foram quase 80 mil novos empregos formais com carteira assinada gerados. É realmente inspirador ver esse esforço para oferecer qualificação e oportunidades de crescimento para a população”, declarou o titular da Setre.

Sobre a BYD, o Davidson Magalhães destacou a importância de capacitar a mão de obra local para trabalhar na montadora. “Nos antecipamos às necessidades do mercado e estamos viabilizando cursos que atendam especificamente aos critérios estabelecidos pela empresa. O investimento inicial em capacitação é de R$ 1,9 milhão. Através de uma parceria com o SineBahia, também vamos auxiliar a montadora na intermediação de mão-de-obra. O nosso desejo é de que os contratados sejam da Bahia”, pontuou Davidson.

Davidson Magalhães

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here